Vista de parte da Praia Pequena e Colina da Barra 

 

(Fotografia tirada da Ermida da Penha – Anos 40 do Séc. XX)

02_praia_pequena_colina_da_barra

(Arquivo fotográfico da Casa de Macau) 

Vê-se, na parte esquerda da foto, o Ténis Militar, as curvas da Baía da Praia Pequena, no centro a Residência de Santa Sancha (residência do Governador) e, um pouco acima, do lado direito, o Palacete que pertenceu à família Remédios, mais tarde demolido para dar lugar à construção das 5 moradias dos actuais Secretários Adjuntos.

Texto: Vítor Serra de Almeida

Baía da Praia Grande

 

 

Versão para impressão

(Fotografia tirada da Colina da Penha – Anos 40 do Séc. XX)

 03_baia_da_praia_grande

(Arquivo fotográfico da Casa de Macau)

A Baía da Praia Grande, juntamente com as Ruínas de São Paulo são, provavelmente, os dois locais mais fotografados de Macau até aos finais do Séc. XX.

No que diz respeito à Baía, o que mais encantava o fotógrafo era o suave arco da Baía (que ficou mais encurvado após os aterros dos anos 20/30 do século passado) ladeado por magníficas “árvores de São José”, que constituía um local maravilhoso para a população passear e desfrutar da vista marítima que vinha amenizar o clima subtropical húmido da cidade.

Nesta foto vislumbra-se, em fundo a colina da Guia, com o seu farol; na extremidade direita o monumento a Ferreira do Amaral, nos novos aterros do Porto Exterior. Visíveis, igualmente, o Quartel de São Francisco, o Grémio Militar e a Torre da Igreja do Colégio de Santa Rosa de Lima.

Texto: Vítor Serra de Almeida

 

Liceu Nacional Infante Dom Henrique

 

 

Enviar por E-mail
Versão para impressão

(Fotografia dos anos 30 do Séc. XX)

04_liceu_nacional_infante_d_henrique

(Arquivo fotográfico da Casa de Macau)

Edifício situado na Avenida Conselheiro Ferreira de Almeida (N.º 89), no Bairro de Tap Seac. Constituído, primeiramente, para “Asilo dos Órfãos”, a partir de 1924 foi destinado a albergar o Liceu de Macau que aí funcionou até 1958.

Posteriormente, aí tiveram sede os Serviços de Saúde de Macau e, actualmente, está em remodelação interior (já que todos os blocos adjacentes ao antigo campo de Hóquei estão preservados e impedidos de demolição) para futura utilização no Sector da Cultura.

Por este Liceu passaram sucessivas gerações de macaenses, incluindo todos aqueles que vieram a ter proeminência na vida político-social do Território.

Texto: Vítor Serra de Almeida

Close Menu